Alguém diz: Sou gay!

Austro-libertário: Tudo bem, cuide bem da sua vida, seja feliz, ame quem quer estar com você, defenda seus valores sem invadir a privacidade alheia, sem usar o poder do estado para impor sua “visão de mundo” a quem não concorda com seu estilo de vida.

Progressista/socialista: Sua causa é a nossa causa! Vamos criar leis para que você seja aceito por quem não aprecia sua conduta sexual. Vamos punir quem te rejeitar!

Alguém diz: Estou desempregado!

Austro-libertário: O que você pode fazer por si mesmo? Avalie suas condições, seus recursos (capital humano), identifique suas deficiências, procure compreender o que o mercado de trabalho está exigindo, então procure se qualificar, estude, aprecie o saber, seja culto e agregue valor naquilo que se dispõe a oferecer.

Progressista/socialista: Você é vítima da ganância capitalista! Venha! Junte-se a nós! Filie-se à nossa militância! Vote nos nossos candidatos! Vamos criar leis para lhe proteger dos empregadores, com políticas salariais que não dependem de sua produtividade, nem mérito técnico, intelectual.

Alguém diz: Quero ser bem sucedido economicamente!

Austro-libertário: Trabalhe duro, busque sua constante valorização no mercado, identifique e respeite seus limites de gastos pessoais, procure poupar, investir e avaliar bem seus hábitos de consumo.

Progressista/socialista:  Vamos te dar benefícios para que você fique viciado em viver do dinheiro alheio. Você votará em nossos candidatos que farão leis para lhe tornar ainda mais dependente do assistencialismo enquanto aumentaremos as regalias dos nossos políticos e aliados (empresários) que verão os “benefícios” que você recebe como esmolas. Você será nosso escravo! Você será mais um idiota útil em nossas fileiras!

Comentar pelo Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *