Tristitia de alienis bonis

Uma deficiência para lidar e aceitar qualidades e posses de algo ou outro semelhante. Do latim invida ou invidere. Sufixo negativo (in) sobre  “vida” ou “videre”, no sentido inicial de “negar o que se vê”, olhar contrariamente, observar incondicionalmente com ar de reprovação. O invejoso não enxerga nada além de si mesmo, estando assim em uma […]

Read more

“Il cazzaro verde braziliano”

Mais um bocó da tribo dos adoradores do “mito” adentrou em minha caverna para perturbar minha linda manhã de orações. “O que queres de mim?”, e logo me veio com aquela rasgação de seda… “Mestre…”. Tive que interrompe-lo: “Vamos direto ao assunto, sem chorumelas, meu jovem”. Perguntou-me sobre a tal polêmica do desafio de redução do […]

Read more

Por que há tanto interesse por política?

Do alto da montanha um franzino “giovane” se aproximou com um olhar pálido e despretensioso. O adverti da inconveniência de sua presença, no entanto, ele insistiu, talvez estimulado por outro ex-bolsomínion cujo cérebro consistia em músculos “sarados” e tatuados com louvores ao “mito”. Apresentou-me uma demanda aparentemente boba, sem segundas intenções: “Pastor, por que há […]

Read more

Os mais velhos…

  Nada contra os assim chamados “mais jovens”. Prefiro os assim chamados “mais velhos”. Ouvi-los, observa-los, medita-los. Os assim chamados “mais velhos” podem ser taxados de ultrapassados, “jurássicos”, arcaicos, morosos, mas tudo isso para mim indica qualidades. Dentro de cada história longamente vivida há um contexto para ser conhecido, compreendido, com ensinamentos para serem tomados […]

Read more

Discurso político

O discurso político, não raramente, é construído para ter mais de um sentido, composto por camadas rasas de análise para alcançar o público mais cobiçado por todo político de grande alcance: o analfabeto funcional, sujeito que é incapaz de compreender textos simples, por si mesmo, e assim, se torna fácil de ser manipulado. O político […]

Read more

Mateus 6:34 “Basta a cada dia o seu mal”

“Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal.” Mateus 6:34 O que posso conhecer e medir, posso administrar, ordenar, planejar, ajustar, melhorar. Essa é a parte dos problemas da vida que competem a minha disposição de ser proativo. Minha […]

Read more

“Nossa bandeira jamais será vermelha”

Do alto da montanha fui incomodado com os passos de um brucutu, que mais parecia o Schwarzenegger na época em que concorria no fisiculturismo, com um 17 tatuado no ombro esquerdo e um olhar meio perdido. Sem entender bem o que o “mito” fez na China, queria me ouvir a respeito. Disse ao rapaz que o […]

Read more

Pastiche

Ontem (12/10) foi o dia de Nossa Senhora Aparecida. Nas imediações da Basílica, imagens que denotam um homem, um político, idolatrado, aos gritos de “mito!”. Até parece que foi o dia dele e não da Aparecida. Um político que se declara católico, mas não teve qualquer constrangimento em se aproveitar de uma ocasião tão importante […]

Read more

O empreendedorismo da política

  A política é uma atividade empreendedora que explora a idiotice – Todo idiota é um potencial cliente da atividade política. Será sempre a mais importante parte do negócio de “fazer política”. Por isso, a política sempre demonstra irracionalidade premeditada com a economia, especialmente quando ignora a realidade da escassez para vender ilusões, como algo […]

Read more

Fascistas do bem

A tentativa do partido do “socialismo e liberdade”, o PSOL, em limitar o WhatsApp [1] sob o pretexto das “fake news” é uma oportunidade para se ter uma noção do quanto a  cultura de estado corporativo ainda exerce enorme fascínio, especialmente entre os que costumam acusar de “fascistas” quem defende a liberdade. A turma do […]

Read more

Homossexualidade e conservadorismo

Um sujeito que se diz conservador me diz que não aprova (moralmente) a homossexualidade. Eu, que me vejo também como um conservador, devolvo entendendo que a homossexualidade é uma questão de cunho estritamente pessoal, de foro íntimo, e requer uma melhor reflexão conservadora acerca de implicações com a liberdade e a propriedade. E se um […]

Read more

“Dinheiro público”

Do alto da montanha, fui chamado de velho gagá… Gagá talvez eu seja, maluco beleza também. Outro dia um sujeito de ilibado prestígio me recomendou um psiquiatra porque lhe dissera que “dinheiro público não existe”. Não quero beatos em minha caverna e sempre os mando embora, mas eles não arredam o pé! Por sinal, outro […]

Read more

“Deus” está preso!

Por Pastor Abdoral Do alto da montanha, em uma Ἐπιφάνεια de um eterno retorno, eis que vi um livrinho cuja capa estava escrito “Deus está preso!”. Abri o livrinho e na primeira página dizia que “Deus” foi a pé para ser preso [1], cumprindo o que profetizara. Nem Shakespeare teria pensado um melhor roteiro.   […]

Read more