Panem et Circenses

Do alto da montanha vejo uma sombra de coisas em que se é possível encontrar imediata e fatal distração se convertendo em alienação. Na antiga Roma, ir ao Colosseo era a diversão mais útil para o Imperador manter o povão no cabresto e inibir o contrapeso virtual de opositores no Senado. Então, no Colosseo literalmente […]

Read more

Lucrécia

[1] Do alto da montanha, sob a graça dominical da terceira sinfonia de Beethoven, sem ser incomodado com visitantes peripatéticos que só querem consolo com seus políticos de estimação, este velho eremita está a meditar no livro do espirituoso Indro Montanelli [1] ao contar a tragédia da lendária dama romana Lucrécia, senhora esposa de Lúcio Tarquínio […]

Read more

Numa Pompilius

Por Pastor Abdoral Alighiero – Do alto da montanha enquanto Mozart soava ambientado em um concerto com a passarinhada, eis que estava a meditar na obra Historia de Roma [1]  no tocante a Numa Pompilius, sujeito que sete séculos antes de Cristo assumiu o controle de Roma após a morte do primeiro rei, Rômulo, que segundo a […]

Read more

Dottrina del Fascismo

  Por Pastor Abdoral [1] – A primeira parte da obra consiste em ideias fundamentais do fascismo, cujo texto foi produzido à mão de Giovanni Gentille para o Partito Nazionale Fascista (PNF). Gentille foi o “filósofo do fascismo” e ministro da educação no governo do então presidente do conselho de ministros, Benito Mussolini, na fase […]

Read more

O fenômeno Mario Draghi

O ex-presidente do Banco Central Europeu, para alguns o “Super Mario” Draghi, figura respeitadíssima na Europa,  assim como no mercado financeiro, foi indicado pelo presidente italiano Sergio Mattarella para ocupar o lugar de Giuseppe Conte no Executivo quando eclodiu uma crise pelo partido Italia Viva, sob comando do senador Matteo Renzi, decidindo retirar o apoio […]

Read more

Il fenomeno Mario Draghi

L’ex presidente della Banca Centrale Europea (BCE, 2011-2019), per alcuni il “Super Mario” Draghi, figura di tutto rispetto in Europa, come nel mercato finanziario, è stato indicato dal presidente della Repubblica italiana Sergio Mattarella per sostituire Giuseppe Conte nell’esecutivo quando scoppiò una crisi da il partito Italia Viva, guidato dal senatore Matteo Renzi, ha deciso […]

Read more

Maturidade

No filosófico livro de Jó, o personagem central, em profundo sofrimento pessoal, passa por um longo diálogo com três amigos onde se discutem os dilemas da existência e eis que surge o tema da sabedoria atrela à velhice (12.12). Bem mais adiante, Eliú, filho de Baraquel, mais jovem, vendo que os demais se recolheram ao […]

Read more

Mais um projeto que pretende tabelar preços

Imagem da Agência Câmara de Notícias Controle estatal de preços é um assunto que parece ser a maior das ilusões produzidas na política. E a pandemia do coronavirus se tornou uma grande oportunidade para retomar o assunto enquanto se ignoram as inúmeras lições da história econômica e, sobretudo, das leis de mercado. Um projeto de […]

Read more

Impara con Bolsonaro

Nuovo in politica? Hai bisogno di ispirazione? Vuoi salire i gradini del potere? Raggiungere la vetta della fama e della gloria? Se vuoi avere successo in politica, impara con Bolsonaro. Si è unito a Lula nella categoria di maestro, attivo, vivo, nella politica brasiliana. L’allora deputato federale Bolsonaro fu l’unico che trovò una via percorribile nel […]

Read more

“Credere, obbedire, combattere”

Olavo de Carvalho em vídeo postado [1] em 15/09/2019: “A coisa mais urgente no Brasil, vocês têm que criar uma militância bolsonarista agora. Não é conservadora, não é liberal, não é cristã, não é pró-família, não! Ham? Você tem que apoiar o chefe, não é apoiar a ideia, porque se você apoia a ideia, você […]

Read more

Discurso político

O discurso político, não raramente, é construído para ter mais de um sentido, composto por camadas rasas de análise para alcançar o público mais cobiçado por todo político de grande alcance: o analfabeto funcional, sujeito que é incapaz de compreender textos simples, por si mesmo, e assim, se torna fácil de ser manipulado. O político […]

Read more

Quis custodiet ipsos custodes?

A polêmica em torno da “CPI da Lava Toga” é o antigo drama “Quis custodiet ipsos custodes?” ou “Quem vigia os vigilantes?”, do poeta romano Juvenal, que viveu no primeiro século d.C. O intelectual Rui Barbosa (1849-1923) me lembra desse dilema de outra forma: “A pior ditadura é a do Poder Judiciário. Contra ela, não […]

Read more

Um conservador…

Um conservador será identificado cultivando valores no âmbito de sua competência privada, incluindo a educação como processo (sobre filhos e demais membros) como algo prioritariamente sob o controle das famílias, que são espaços privados que representam a base da ordem social e o vetor que viabilizou o que conhecemos hoje por civilização. Um conservador não […]

Read more

Agosto

Agosto é considerado o “mês das bruxas” na política. Vargas deu um tiro no coração em 24 de agosto de 1954, no Palácio do Catete, Rio de Janeiro. Jânio Quadro renunciou em 25 de agosto de 1961, depois de ter sido eleito para “varrer a corrupção” do Brasil. No dia 22 de agosto de 1976, […]

Read more

A nova política…

A nova política de Vitória de Santo Antão, assim como em qualquer canto do país, está repleta de indivíduos que se orgulham de não fazer parte das famílias tradicionais de políticos, mas que defendem ideias tão parecidas ou ainda piores para gastos governamentais. Sabe aquele rapazinho ou aquela mocinha de boa articulação nas palavras, universitários […]

Read more

Não é nada conservador

O presidente Bolsonaro censurou propaganda do Banco do Brasil? Sem dúvida, uma censura, algo que me parece preocupante para quem se diz conservador. 1 – Não é nada conservador quando um político se intromete em decisões administrativas de uma empresa estatal, com base em opiniões pessoais, mesmo alegando seguir uma agenda eleitoral que se auto […]

Read more

Divina Comédia

  [1] Do lugar mais fundo e denegrido O ouro negro não se encontra De uma tempestade no deserto circunda Ao círculo de Judas foi trazido. [2] “É o pai! É o pai!”, gritou um devoto de Maomé. “Quero o sangue!” clamou uma multidão cambaleante. Cornígeros demônios açoitando Com grandes azorragues que não cessam. [3] […]

Read more

Bolsonaro liberal? Melhor aguardar os fatos

A B3 registrou, na primeira semana após a vitória de Bolsonaro, uma correção sobre as expectativas negativas em torno da ameaça da volta do populismo petista, e assim se ajustou indo aos 88k. O câmbio seguiu uma discreta trajetória de ajuste em queda, como efeito das mesmas precificações. A empolgação tem prazo de validade curtíssimo […]

Read more

Bolsonaro

  Intervencionismo ingênuo é o que molda a crença que governos podem gerenciar fatores econômicos com relativo êxito, sobretudo tomando (por coerção via sistema tributário) e realocando recursos por meio de subsídios e programas sociais, além de impor “regulações” no mercado. Friedrich August von Hayek, herdando a base do pensamento de Ludwig von Mises, deu […]

Read more

Um feliz novo fim do mundo

Despedida Amigos, já sobrevivi a muitos apocalipses. O primeiro aconteceu quando eu tinha 15 anos, na queda do muro de Berlim. Depois, logo outro triste fim do mundo com a extinção da União Soviética. O fim de um sonho adolescente contra o capitalismo malvadão. Naquela época eu era um socialistazinho cocó, e claro, quando FHC […]

Read more

Jair Messias Bolsonaro

No antigo Egito, o supremo governante, mais conhecido como “faraó”, era considerado um “deus”, sob o mito da filiação com Osíris. Isso pode soar ridículo ao nosso tempo, mas, se pararmos um pouco para pensarmos, a política e o que se espera dos políticos são coisas que, de fato, estão na esfera do intermediário entre […]

Read more

Prestes a completar 30 anos

O Constituição Federal de 1988 (CF/88) está prestes a completar 30 anos e a melhor definição sobre a “carta magna” vem de Roberto Campos em uma palestra proferida em 1988: Um besteirol socialista que fez o país saltar de uma carga tributária de 20,1 no final dos anos 1980, para 33% do PIB], além de […]

Read more

Ciro Gomes

  Entre os presidenciáveis, Ciro Ferreira Gomes é, a meu ver, o que mais se aproxima da tradição fascista brasileira debutada por Getúlio Vargas nos tenebrosos anos do “Estado Novo” e que opera  fortemente no imaginário popular mediante a crença no estado corporativo. No entanto, se pode questionar, por um purismo ideológico ingênuo, que Ciro […]

Read more

Os dois Brasis

  Estava como Dante caminhando em uma selva tenebrosa e eis que um “Virgílio” [1] me apareceu, de repente, para me fazer pensar em dois reinos que constantemente ocupam meu cotidiano. O primeiro é o reino do Brasil formal, do estado, conduzido por legislações bizarras produzidas pelo igualmente bizarro Congresso Nacional, um inferno dantesco em […]

Read more