Solidão de um pai

Como gostaria de ter contado, aos 18 anos, com a mentalidade que hoje tenho… Quantos equívocos cometidos que poderiam ter sido evitados? Quantas bobagens feitas por arrogância? Quantas decisões precipitadas por carência de maturidade? Os erros fazem parte da vida e com muitos deles aprendemos e nos podemos tornar pessoas melhores, mas se pudermos também […]

Read more

Problemas que inibem uma cultura de contabilidade

1-Elevada carga tributária que encarece custos de produção e estimula a informalidade no mercado (cultura de caixa dois); 2-Relações viciadas de empresários com políticos em trocas de favores, na obtenção de subsídios, bolsas de crédito, na elaboração de leis e demais regramentos que inibem a livre concorrência, a inovação, em benefícios dos empresários que podem […]

Read more

Agosto

Agosto é considerado o “mês das bruxas” na política. Vargas deu um tiro no coração em 24 de agosto de 1954, no Palácio do Catete, Rio de Janeiro. Jânio Quadro renunciou em 25 de agosto de 1961, depois de ter sido eleito para “varrer a corrupção” do Brasil. No dia 22 de agosto de 1976, […]

Read more

O empreendedorismo da política

  A política é uma atividade empreendedora que explora a idiotice – Todo idiota é um potencial cliente da atividade política. Será sempre a mais importante parte do negócio de “fazer política”. Por isso, a política sempre demonstra irracionalidade premeditada com a economia, especialmente quando ignora a realidade da escassez para vender ilusões, como algo […]

Read more

Inovação e empreendedorismo em escritórios contábeis?

Os mercados de serviços contábeis e de TI foram acostumados no Brasil, por décadas, a viverem de ofertar serviços que só foram consumidos por causa das ameaças que o estado costuma fazer aos empresários. Não é preciso fazer muito esforço para ver que anúncios publicitários e o comportamento da maioria dos marqueteiros de serviços de […]

Read more

Marta

Imenso desafio ir a um mercado para oferecer um produto que as pessoas não estão nem um pouco acostumadas a consumir, incluindo ideias pré concebidas, desconfiança generalizada que dificultam a geração de valor de referência na avaliação do que se propõe a fazer. Um produto à sombra de um outro de grande sucesso e que […]

Read more

O velho populismo

Causa-me sempre apreensão quando vejo políticos explorando, com ardil peculiar, sentimentos coletivos de uma massa que os libertários, como este que vos escreve, chamam jocosamente de “gado”. Ultimamente têm se intensificado as ações de Bolsonaro no sentido de arrogar para si uma condição de líder carismático, suscitado por alguma força maior (divina?), escolhido pelo que […]

Read more

O preço da coerência

Não me apetece qualquer necessidade de tomar partido pelo filósofo Olavo de Carvalho, autor de obras que li e admiro enquanto o que ele representa para os assim chamados “olavetes”, a patrulha ideológica de direita que atua, sobretudo, naqueles meios “que  deram voz a uma legião de imbecis”, aqui lembrando a precisa definição para o […]

Read more

É a democracia…

O que é a democracia representativa republicana, querido Joãozinho? Indagou Mariazinha ao seu namorado. Joãozinho, um austríaco, nada lhe disse e imediatamente organizou um jantar com casais amigos com uma brincadeira muito diferente: haveria uma eleição para a escolha do prato principal. Cinco casais, dez votos e o prato vencedor seria servido a todos no […]

Read more

As fases da vida…

As fases da vida… Quando eu era menino, vivia como menino, fazia xixi na cama e era comunista. Chegou a juventude e Stalin me decepcionou, logo virei socialista (eufemismo para comunista envergonhado). Logo mais à frente, vi que o mercado era necessário, então virei “social-democrata” (eufemismo para socialista com medo de sair do armário) Passei […]

Read more

A nova política…

A nova política de Vitória de Santo Antão, assim como em qualquer canto do país, está repleta de indivíduos que se orgulham de não fazer parte das famílias tradicionais de políticos, mas que defendem ideias tão parecidas ou ainda piores para gastos governamentais. Sabe aquele rapazinho ou aquela mocinha de boa articulação nas palavras, universitários […]

Read more

A lei do “não sabemos”

A primeira lei da economia é a escassez, isso dr. Thomas Sowell sintetiza muito bem. A segunda lei vem de dr. Hayek: eu a chamo de lei do “não sabemos”. Não sabemos o que um consumidor vai querer precisamente, com 100% de acerto. Podemos saber o que ele quis ontem e hoje, em certo grau, […]

Read more

Não é nada conservador

O presidente Bolsonaro censurou propaganda do Banco do Brasil? Sem dúvida, uma censura, algo que me parece preocupante para quem se diz conservador. 1 – Não é nada conservador quando um político se intromete em decisões administrativas de uma empresa estatal, com base em opiniões pessoais, mesmo alegando seguir uma agenda eleitoral que se auto […]

Read more

Por que não me envergonho do STF

O episódio do ministro Enrique Ricardo Lewandowski, no ano passado, provocado em um voo comercial por um indivíduo que se disse “envergonhado” com a corte suprema brasileira, serve para ilustrar como a ética do coletivismo, em torno do estado, tem um grande poder no imaginário popular. O resultado do julgamento de ontem (14), cujo desdobramento pode […]

Read more

Quais os limites da liberdade de expressão?

Em setembro do ano passado, a peça “O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu” que tem como personagem central um Jesus como uma transexual, foi impedida de ser apresentada no Sesc de Jundiaí (SP), por ordem judicial [1]. Recentemente, a peça voltou a ser objeto de polêmica com o veto do prefeito de Garanhus (PE), […]

Read more

Dissonância e paralaxe cognitiva

  Revisado em 24/02/2019 13h12 Aprendi o significado do “viver o que se ensina” pela dor da indignação, lá pelos idos de 2003-2006 quando notava em alguns professores e alunos do seminário teológico, certas inconsistências. Eram de “mente aberta” abordando com entusiasmo determinados conceitos liberais em sala de aula, mas, tendo oportunidade de vê-los no […]

Read more